Hoje na História: EUA explodem a maior fábrica de remédios do Sudão

Via Redfish

Neste dia, há 23 anos atrás, Bill Clinton ordenou o início da Operação Infinite Reach, que com um ataque com míssil de cruzeiro destruiu a maior fábrica farmacêutica de todo o Sudão, condenando milhares de pessoas à morte no país.

A fábrica Al-Shifa produzia 90% dos produtos farmacêuticos sudaneses. Seu bombardeio levou a uma catástrofe de saúde pública com dezenas de milhares de pessoas morrendo de malária, tuberculose e outras doenças tratáveis.

Os EUA alegaram que a fábrica estava produzindo armas químicas e tentaram vinculá-la a Osama bin Laden. Quando nada disso se revelou verdadeiro, os EUA bloquearam uma investigação das ONU sobre o ataque.

O Sudão solicitou um pedido de desculpas oficial várias vezes desde o incidente, mas os EUA sempre negaram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *